Quem somos - Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil - OFM

Comunicação

Comunicação

Contexto histórico

A presença da Comunicação sempre preocupou a Província da Imaculada, como parte integrante de seus programas pastorais, mas sempre em função de escola e evangelização. Basta lembrar que, em março de 1901, foi fundada a Tipografia da Escola Gratuita São José, futura Editora Vozes, que começou numa cela do convento. Em maio de 1902, fundou-se em Lages o jornal “Cruzeiro do Sul” e uma pequena tipografia, que funcionou nas dependências do convento. Em fins de maio do mesmo ano de 1902, nasceu em Curitiba o periódico “Der Kompass”. Pouco depois nasceu em Rodeio “L’Amico”.

Os jornais de Rodeio, Lages e Curitiba não apareceram por acaso. Foi uma decisão tomada em capítulo, na Alemanha, para fazer frente ao avanço das ideias de inspiração positivista. Em julho de 1907, os franciscanos criaram a revista “Vozes de Petrópolis”, publicação que teria uma longa e extraordinária história entre os intelectuais, professores e colégios católicos do Brasil. As outras revistas e publicações editadas pela Vozes começam a aparecer nos anos 40: Folhinha do Sagrado Coração de Jesus (1940), REB (1941), Grande Sinal (1946), SEDOC (1968), sem esquecer o Centro Radiofônico Franciscano, depois chamado Centro Informativo Católico, que, a partir de Petrópolis, fornecia notícias semanais a rádios e jornais do interior.

A primeira emissão de rádio no Brasil data de setembro de 1922. Em 1957, começa a linda e fecunda história da Rádio Celinauta em Pato Branco. Já em 1967 pediu-se sinal para uma televisão, o que só se concretizou em 1987, com a fundação da TV Sudoeste. Em Curitibanos nasce a Rádio Coroado, comprovada pela Província em 1966. Depois do rádio e TV, o maior avanço da humanidade, até hoje, relacionado à comunicação foi a Internet. Ela começou tímida na década de 1960 nas universidades americanas e atualmente é a maneira mais rápida e prática de comunicação. Internet, aqui considerada não somente como a rede que liga redes de computadores, mas como uma ferramenta deveras importante que construiu um novo conceito de sociedade, é a protagonista das mais importantes criações do século XX, principalmente por contribuir para a instauração de um novo estágio sociocultural. Em 1996 surge a maior empresa brasileira de conteúdo, tecnologia, serviços e meios de pagamentos digitais: UOL. Em 1997, o Pró-Vocações e Missões lança o primeiro site na Província, uma espécie de piloto para o site institucional da Província: www.franciscanos.org.br. Em 2010, entra no ar a TV Franciscanos. Desde 2013, esta Frente realiza encontros provinciais com o objetivo de ser ocasião de encontro entre leigos e frades envolvidos com o trabalho da comunicação propriamente dita e também nas outras Frentes.

Além das iniciativas institucionais, há de se destacar o trabalho realizado nas paróquias ou em outras presenças, por frades individualmente ou também por grupos, como programas de rádio e TV, boletins, artigos em jornal e revistas, blogs, sites e presença em redes sociais.

Presença

A presença no mundo da comunicação não pressupõe apenas o uso dos meios, mas também o esforço de viver e anunciar o Evangelho de Jesus Cristo neste novo ambiente (cf. Bento XVI em “Redes Sociais, portais de verdade e de fé; novos espaços de evangelização”. Mensagem para o 47º Dia Mundial das Comunicações).

“Pensem a comunicação para fazer parte da sua própria ação, não pensem na comunicação apenas para divulgar. Meio de comunicação não é alto falante, que serve apenas para ampliar a voz. Tenham a comunicação como uma aliada no dia a dia de vocês.

Ajude a gente a garimpar boas histórias de vida, bons exemplos de pessoas, de projetos, de coisas que estão acontecendo ali. Quem muda o mundo sou eu a partir da ação do Espírito Santo, da inspiração divina. Pastoral que perde a mística vira agente de ação social. Pastoral que se fecha ao espírito, perde o seu compromisso cristão. É preciso equilíbrio entre a mística e a ação social. Tanto pastoral como movimento social devem ter claro que nós temos que convidar pessoas, não para ser plateia, mas já sair com uma ação concreta a ser realizada. O que move as pessoas é o sentido da ação”, Elson Faxina, no 2º Encontro da Frente de Comunicação.

Download Premium WordPress Themes Free
Download Nulled WordPress Themes
Download WordPress Themes
Download WordPress Themes Free
download udemy paid course for free
download coolpad firmware
Premium WordPress Themes Download
online free course